top of page

Inflação: O ladrão silencioso

Recentemente, na página do Instagram do Finanças dos 90 lancei uma questão: "Sabes o que é a inflação?". O resultado mostrou que 13% dos seguidores responderam negativamente, e por esse motivo entendi que esse assunto devia ser aqui abordado.


Uma rápida pesquisa no Google em que escrevo "O que é a inflação?" e o primeiro link que me aparece é logo do Banco Central Europeu. Confesso que esperava uma resposta altamente complexa para que quem lesse ficasse na mesma, mas fiquei muito surpreendido com a simplicidade do que encontrei, e depois percebi porquê (detalhes mais à frente).


Ora então diz assim o Banco Central Europeu:

 

"Numa economia de mercado, os preços dos bens e serviços podem sempre mudar. Alguns preços sobem, outros descem. Fala-se de inflação quando se verifica um aumento geral dos preços dos bens e serviços e não quando apenas os preços de artigos específicos sobem. O resultado é que se compra menos com um euro. Por outras palavras, um euro vale menos do que anteriormente."

 

E aí está. Explicado da forma mais fácil, simples e direta possível sem grandes "floreados". Percebi depois que estava numa página chamada "Iniciativas para Jovens" e como este tipo de explicações simples e claras são exatamente aquilo que quero promover com o Finanças dos 90, deixo-te o link abaixo para leres:



Então, em resumo, o palavrão "inflação" é, pura e simplesmente, um aumento generalizado dos preços ano após ano. Seguramente que te lembras de ires às compras com os teus pais há uns bons anos e parecer que o carrinho do Continente vinha bem mais cheio do que o teu vem agora e este é o motivo. Fica com a ideia que em 2010, as "coisas" custavam 10% menos do que em 2018. Para ajudar à festa, o salário médio mensal em Portugal entre 2010 e 2018 apenas aumentou perto de 8%. Juntas as duas coisas e o sensacionalismo de "tenho menos dinheiro do que tinha há 10 anos atrás" torna-se uma realidade comprovada.

 

Podes consultar os dados utilizados no PORDATA:


Salário médio mensal dos trabalhadores por conta de outrem: remuneração base e ganho


Taxa de Inflação (Taxa de Variação do Índice de Preços no Consumidor) https://www.pordata.pt/DB/Portugal/Ambiente+de+Consulta/Tabela/5812381

 

Agora que já sabes o que é a inflação, como funciona e de que forma afeta o consumo, vamos a uma segunda parte igualmente importante: de que forma afeta a poupança ou o investimento?


Se consultares o link acima relativamente à taxa de inflação, verificas que entre 2010 e 2019 a inflação média anual foi de 1,17%. Isto significa que todo e qualquer produto de poupança ou investimento que tenha tido uma rentabilidade líquida anual inferior a isto esteve, na verdade, a fazer-te perder dinheiro.


Para ilustrar, coloco abaixo um gráfico com 3 linhas que partem do mesmo pressuposto de teres 100€ na mão em 2010 e teres decidido o que fazias com eles:

  • Linha Azul: colocaste-os debaixo no colchão para "não os perderes"

  • Linha Cinza: aplicaste num Depósito a Prazo de 1%/ano (líquido, para simplificar)

  • Linha Laranja: investiste num fundo que replica o índice S&P 500 (uma das estratégias mais frequentes)


 

Nota: os valores de Depósito a Prazo e S&P500 estão também corrigidos com a devida inflação anual para que a comparação seja justa. Os valores do S&P500 são à data de 1 da janeiro de cada ano. Em 2019 o S&P500 valorizou perto de 30%, o que não se encontra refletido no gráfico acima.

 

Os teus 100€ de 2010 transformaram-se, na realidade, em 90€ se os tiveres deixado escondidos, em 98€ se tiveres colocado no depósito a prazo e em 225€ se os tiveres investido no S&P500.


Percebes agora a importância da inflação na tua vida? Pensa nela como um ladrão super silencioso a retirar-te todos os anos uns trocos do bolso sem que te apercebas e só ao fim de 10 anos é que tens noção do que aconteceu :)

0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo

Comentarios

Obtuvo 0 de 5 estrellas.
Aún no hay calificaciones

Agrega una calificación

Regista-te e recebe todas as novidades

Obrigado pelo teu registo

bottom of page